O engajamento ético do freelancer profissional cria um mercado muito melhor

  • 7
  • novembro 26, 2015
Engajamento ético do mercado freelancer

A Revista Fortune publicou um artigo no qual discute o código de ética para os trabalhadores freelancers.

Isso é significativo na medida em que no mundo dos negócios existe ambiguidade, com uma contingência de mão de obra rotativa, peculiar ao universo freelancer. É algo como regular os processos dentro do mercado freelancer. Mas tudo isso baseado em um marco regulatório através do qual os padrões éticos possam estender suas esteiras.

O que se sabe é que a ambiguidade como um pano de fundo gera instabilidade. Por isso no mundo dos negócios focar em clareza sobre os aspectos éticos e sobre padrões comportamentais torna-se um fator de primeira grandeza, mesmo que à custa de soar estranho como se fosse, acredite se quiser, uma coisa da era passada!

Regras de Engajamento

 

É sabido que os freelancers e os contratantes independentes se norteiam por padrões delicados em termos éticos. Essa frágil configuração propicia que se traga ao cenário as chamadas “regras de engajamento“. São estas que vão estabelecer as fronteiras e os padrões  gerais peculiares ao caminho de cada um que cumpre algum papel nesse mercado.

Engajamento é uma palavra-chave nos meios acadêmicos e também dos negócios. Engajar-se é uma ação proativa que produz um código de conduta que oferece aos profissionais a chance de antecipar e ensaiar situações as mais diversas incluindo as mais conflitantes. Seria como ter um “pré-roteiro” de si mesmo, para facilitar o processo de engajamento com as diferentes tarefas que provavelmente façam parte do universo do freelancer profissional.

Engajar-se também pressupõe transparência e consistência na figura ética e moral de um profissional freelancer. Obviamente que ao contratante também é solicitado que pratique um comportamento transparente e demonstre consistência. É nesse caminho de mão dupla que trafegam os meios de transporte tanto de um quanto de outro. Usar esses meios são como dar legitimidade às teorias de Administração e Liderança, que pregam uma conduta transparente e ética na condução de negócios.

 

Palavras-chave: código de ética para os trabalhadores freelancers, freelancer profissional, profissional freelancer, regras de engajamento, universo freelancer, engajamento ético

Fontes: fortune.com, creativeblog.com

Deixar Resposta